FAU — rejeitamos Albrecht Dürer pela falta do “U”

A reprogramação da logomarca da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, concluída e homologada em reunião de Conselho no dia 26 de abril do ano passado, não foi uma atitude livre, pois havíamos de respeitar, ou ter como referência, a tipologia empregada por Daniel Campbell em 1999.
Essa busca cega chegou a Albrech Dürer, que também estabeleceu regras geométricas de feitura às versais romanas.
À época, a única fonte de Dürer vetorizada disponível, não possuía o caractere “U”, já que no latim arcaico o “V” teria dupla função: vogal e consoante.
A estranheza causada pela ausência da letra “U” nos fez refugar a logo no topo da imagem acima; contudo, hoje seria possível utilizar a Durer Caps, a Durer Initial ou a Hands on Albrech (subsequentes).
Mesmo clássico, o modelo do tipo romano analisado por Dürer é distinto do de Paccioli.
Entenda um pouco mais sobre o assunto clicando sobre a imagem-link abaixo:
Blog da FAU

Sobre Projeto Laboratório Virtual - FAU ITEC UFPA

Ações integradas de ensino, pesquisa e extensão da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo do Instituto de Tecnologia da Universidade Federal do Pará - em atividade desde maio de 2010. Prêmio Prática Inovadora em Gestão Universitária da UFPA em 2012. Coordenação: professor Haroldo Baleixe.
Esta entrada foi publicada em Administração e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta