Foto veiculada no BF aparece no Programa do Jô

Imagem-link à entrevista no Programa do Jô.

Por ocasião do lançamento do livro O HOMEM QUE VENCEU GETÚLIO VARGAS em 19 de janeiro passado, no Instituto de Artes do Pará (IAP), entregamos ao autor da ficção, Paulo Sérgio Valle, 16 fotografias do período em que Eurico de Freitas Valle, seu avô, fora governador do Pará.
As fotografias, originárias de um álbum pessoal de Inah Facióla, filha do intendente municipal de Belém à época, Antonio de Almeida Facióla, eram, até então, inéditas para Paulo Sérgio.
Ontem, em entrevista ao Jô Soares, Paulo apresentou uma dessas imagens, sem intimidade para contextualizá-la: confundiu o registro — que é de uma visita do governador, acompanhado do intendente por ele nomeado, às obras de abertura da estrada de rodagem urbana paralela aos trilhos da Belém-Bragança — com uma cena do refrega da Revolução de 1930, onde os trabalhadores seriam a tropa fiel a Eurico.
Paulo Sérgio Valle também vacilou quando trocou o termo “intendende” por “interventor”.
Em O HOMEM QUE VENCEU GETÚLIO VARGAS não há nenhuma referência ao intendente Antonio Facióla; do mesmo modo, na entrevista, apesar de uma aparição global em primeiro plano e em close, Antonio de Almeida Facióla permaneceu incógnito.

Veja, na postagem Eurico de Freitas Valle: “O homem que venceu Getúlio Vargas”, as fotos que Paulo Sérgio Valle recebeu deste editor.

_____________________________

Esse post foi publicado em Administração e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Foto veiculada no BF aparece no Programa do Jô

  1. Paulo Sergio Valle disse:

    Prezado Haroldo.
    As valiosas fotos colocadas no Programa do Jô tinham como objetivo precípuo mostrar a figura do governador Valle, quase desconhecido pelo público.
    Trata-se de um programa dinâmico, em que não se tem muito tempo para contextualizar os fatos.
    Contudo, em nenhum momento, confundí trabalhadores da estrada de ferro com as tropas do governo.
    A aparente confusão entre intendente e interventor deve-se à pressa de passar ao assunto da interventoria do tenente Barata, que perseguiu o governador deposto.
    Agradeço suas observações, que me obrigam a um maior criticismo.
    Sem dúvida, nas palestras que farei, terei mais tempo para decupar o assunto.
    Abs.
    Paulo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s