Visão do Grupo Escolar Doutor Freitas em 1940

Revista da Semana (RJ) - 23NOV1940

Ampliável à leitura

Fonte: Revista da Semana (RJ) 23NOV1940.

corel570

Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Doutor Freitas

Fonte: Google Street View.


Postscriptvm:

Grupo Escolar [perímetro desconhecido]

Igor Pacheco, editor do Fragmentos de Belém, enviou-nos uma fotografia sem referências disponível à venda no Mercado Livre com o genérico título de Grupo Escolar.
A imagens e texto da Revista da Semana parecem elucidar tal questão:

pa

Ao que tudo indique: mureta, portão e via (Dom Romualdo de Seixas), hoje, naquele lugar, existe o NEL – Núcleo de Esporte e Lazer – da Secretaria de Estado de Educação do Estado do Pará colado ao Ginásio Poliesportivo Raimunda Fernandes Albuquerque também da SEDUC:

corel573

Não há dados suficientes à dimensão do terreno

Publicado em Arquitetura e Urbanismo, Fotografia antiga, História, Memória | Marcado com , , | Deixe um comentário

“GuaraSuco é o legítimo guaraná da Amazônia”

Mendes - O Cruzeiro

Campanha da Mendes Publicidade publicada em O Cruzeiro (21SET1968)

Publicado em Arquitetura e Urbanismo, Artes Gráficas | Marcado com , , , | Deixe um comentário

A lida dos ditos cartazistas pela Química

cartazista

Ampliável à melhor visualização

Penúltimo exercício-tema proposto aos Calouros 2016: manhã do dia 05 de julho de 2016 nas obras de conclusão da Escola Estadual de Ensino Médio Profissionalizante Celso Malcher no Parque de Ciência e Tecnologia Guamá.


Mais sobre:

Exposição efêmera no paredão da Química

Da Engenharia Química ao responsável pela Exposição Efêmera

Publicado em Arquitetura e Urbanismo, Artes Plásticas, Fotografia | Marcado com , , | Deixe um comentário

Da Engenharia Química ao responsável pela Exposição Efêmera

3456

Recebido às 17:00 de hoje pelo responsável.
A resposta está prévia e preventivamente contida na publicação de terça-feira, dia 12 passado: Exposição efêmera no paredão da Química.

Publicado em Arquitetura e Urbanismo, Artes Plásticas | Marcado com , , | 6 Comentários

Divulgação/convite à FAU

IMG-20160713-WA0000

Imagem | Publicado em por | Marcado com , , | Deixe um comentário

A inusitada construção na Doca de Souza Franco (1934)

corel548

kiosque doca

corel549

Em Doca de Souza Franco e Mercado Municipal do Reduto (1935); por Robert Swanton Platt não se enxerga a construção que ocupa a via pública na esquina da 28 de Setembro com a Doca de Souza Franco em 1934.
Qual sua finalidade?
Serviria ao comércio como um Kiosque (de Bolonha) ou à fiscalização do Mercado Municipal do Reduto?

Fonte da imagem antiga: A Noite Ilustrada (27JAN1934).


Postscriptvm:
Seria esta nota uma pista?

Correio da Manhã 29JAN1932 (2)


Postscriptvm 2:
Pista corretíssima confirmada no material pós-postagem enviado pelo colaborador Aristóteles Guilliod de Miranda:

Fonte da imagem enviada por Guilliod: Pavilhão Fiscal Doca de Souza Franco
A Semana 21 nov 31 p107 nº690 ano XIII.


Postscriptvm 3:
Ari Guilliod foi além: enviou-nos uma matéria de A Província do Pará (o4AGO1957) revelando a reutilização da pequena edificação para carga de baterias, mostruário de produtos e escritório da filial do Posto Luso Brasileiro que se instalou na Doca de Souza Franco – não se sabe exatamente da localização do Luso na área.
Aos clichês da referida reportagem:

Doca 1957

Kiosque do Posto Luso Brasileiro: 28 com Doca: RECARREGA-SE BATERIAS
Observar que o guarda-corpo ao canal é outro em 1957

corel553 corel552

Filial do Posto Luso Brasileiro na Doca de Souza Franco em local não identificado; a matriz ficava no Porto do Sal

A construção do pavilhão à Recebedoria deu-se na primeira interventoria de Magalhães Barata e a ocupação do mesmo prédio pelo Posto Luso Brasileiro quando Barata era governador eleito – não sabemos exatamente quando a navegação de canoas cessou na Doca de Souza Franco.

Publicado em Arquitetura e Urbanismo, Fotografia antiga, História, Memória | Marcado com , , | 1 Comentário

Exposição efêmera no paredão da Química

Efemeros03

Panorâmica ampliável

Primeira avaliação de Representação e Expressão I – calouros dos dois turnos com entrada em 2016 – completados um mês e meio de trabalho acadêmico na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo.
Os últimos exercícios antes das curtas férias de julho foram baseados na observação de equipamentos existentes na Estação de Tratamento d’Água da UFPA e o resultado, 66 desenhos, exposto no cego paredão da Engenharia Química do ITEC – Instituto de Tecnologia – hoje pelo horário do almoço.
Além da produção individual na técnica empregada exigiu-se a articulação de equipes com quatro indivíduos e a responsabilidade organizacional das duas turmas procederem a montagem de uma exposição em grande superfície precária a céu aberto.
O resultado foi positivo e todos obtiveram o conceito Excelente.
A mostra, que tem como suporte o papel kraft, é transitória e se desmontará pelas ações do tempo, não danificando ou sujando o patrimônio institucional.

pq

Takes ampliáveis

sdf

Alunos em prática no terreno da Estação dentro da UFPA (ampliável)

Publicado em Arquitetura e Urbanismo, Artes Plásticas, Divulgação | Marcado com , , | 3 Comentários