Abdon e Caxambú, por Flávio Nassar

“Campanha para o Governo do Estado do Pará, eu e Haroldo Cardoso criamos a campanha do Abdon.
Até hoje tem seguidores.
Abdon, a história:
Quando em 2002 o Almir Gabriel optou formalmente pela candidatura do Simão Jatene, vivemos na coordenação da campanha do Hildegardo Nunes um problema: nosso tempo de televisão seria muito curto, foi quando sugeri que poderíamos ter entre os candidatos nanicos algum que pudesse nos ajudar no combate aos demais concorrentes. Fui então incumbido de sondar os possíveis aliados. Os demais já eram submarinos dos outros e só nos restava o Abdon, fui conversar com ele em sua estância na Cidade Velha.
Ele topou, depois, em outra reunião me apresentou o seu staff: o Marqueteiro Caxambú, seu neto técnico em informática e responsável pelo aparato tecnologico da campanha e as Abdonetes.
Apresentei o resultado ao Haroldo Cardoso marqueteiro do Hildegardo. O jingles foi composto por nós na última mesa do Cosa Nostra. A voz é do Zoroastro da equipe da Battes e a produção é da Muçuã do Caito Martins.” (Canal do Flávio Nassar)