O “assanhamento poético” de Oscar às vésperas dos 103

“Hoje em dia minha vida vai ser diferente
Calça de pijama, camisa listrada, sandália no pé
Andar pela praia, vou fazer, toda manhã
Até moça bonita vai ter se Deus quiser

Vou parar nos cafés para ouvir historinhas
Coisas da vida, que um dia vão ter que mudar
Quero ser um mulato que sabe a verdade
E que ao lado dos pobres prefere ficar

E assim vou eu, tranquilo com a vida
A espera da noite já solta no ar
Como um manto de estrelas com que se anuncia
E se multiplica nas águas do mar

E assim vou eu, tranquilo com a vida
A espera da noite já solta no ar
Como um manto de estrelas com que se anuncia
E se multiplica nas águas do mar

Da minha favela eu vejo os granfinos
Morando na praia de frente para o mar
Não devemos culpá-los, são prestigiados
Que um dia entre nós vão voltar a morar

Não devemos culpá-los, são prestigiados
Que um dia entre nós vão voltar a morar”

Oscar Niemeyer completou 103 anos no dia 15 de dezembro, este vídeo foi postado no YouTube em em 08 de dezembro passado. 

Enviado por Ronaldo Carvalho

Sobre Projeto Laboratório Virtual - FAU ITEC UFPA

Ações integradas de ensino, pesquisa e extensão da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo do Instituto de Tecnologia da Universidade Federal do Pará - em atividade desde maio de 2010. Prêmio Prática Inovadora em Gestão Universitária da UFPA em 2012. Coordenação: professor Haroldo Baleixe.
Esta entrada foi publicada em Sem categoria e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta