O “assanhamento poético” de Oscar às vésperas dos 103

“Hoje em dia minha vida vai ser diferente
Calça de pijama, camisa listrada, sandália no pé
Andar pela praia, vou fazer, toda manhã
Até moça bonita vai ter se Deus quiser

Vou parar nos cafés para ouvir historinhas
Coisas da vida, que um dia vão ter que mudar
Quero ser um mulato que sabe a verdade
E que ao lado dos pobres prefere ficar

E assim vou eu, tranquilo com a vida
A espera da noite já solta no ar
Como um manto de estrelas com que se anuncia
E se multiplica nas águas do mar

E assim vou eu, tranquilo com a vida
A espera da noite já solta no ar
Como um manto de estrelas com que se anuncia
E se multiplica nas águas do mar

Da minha favela eu vejo os granfinos
Morando na praia de frente para o mar
Não devemos culpá-los, são prestigiados
Que um dia entre nós vão voltar a morar

Não devemos culpá-los, são prestigiados
Que um dia entre nós vão voltar a morar”

Oscar Niemeyer completou 103 anos no dia 15 de dezembro, este vídeo foi postado no YouTube em em 08 de dezembro passado. 

Enviado por Ronaldo Carvalho

Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s