ITEC: por quê não assumir a identidade visual perdida?

A simbologia da Escola de Engenharia do Pará (1931) é tão clássica e charmosa quanto a da Escola Politécnica (1893) da USP — Universidade de São Paulo.
Ambas foram fundadas antes das respectivas universidades que as incorporaram: USP, em 1934 e UFPA, em 1957.

Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para ITEC: por quê não assumir a identidade visual perdida?

  1. Achei ótima idéia. Eu só mudaria a fonte, talvez para uma fonte tipo romana, ou barroca (Bodoni, por exemplo, ou Goudy).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s