Foto da maquete do Núcleo Pioneiro da UFPA (1967)


Imagem retirada de Amazônia é Brasil – Comemoração do primeiro centenário da abertura dos portos da Amazônia. Vitória Régia Editora, Brasília. Organizador Aldebaro Klautau.
Amazônia é Brasil é um impresso de 1966, no formato de revista, que mostra como os estados que faziam parte da SUDAM estavam “desenvolvidos” sob a ótica da Ditadura Militar recém instalada no Brasil.
Na parte sobre Belém se vê a foto da maquete do futuro Núcleo Pioneiro da UFPA.

Por José Maria de Castro Abreu Júnior, colaborador do BF.


A postagem A fotografia invertida da maquete da Cidade Universitária (UFPA) publicada em 1967 corrige esta.

Esse post foi publicado em Administração e marcado , , , . Guardar link permanente.

7 respostas para Foto da maquete do Núcleo Pioneiro da UFPA (1967)

  1. Ronaldo Marques de Carvalho. disse:

    Para melhor compreensão do local atual: esta é a curva do RU pioneiro, no sentido do Portão Principal a caminho do Vadião.
    No primeiro prédio à direita assisti aulas, quando aluno de Arquitetura.
    Hoje na área gramada localizam-se estacionamentos.
    Acredito estar certo!
    Ronaldo Marques de Carvalho.

  2. José Maria disse:

    Tenho a mesma impressão do Ronaldo.

  3. José Júlio Lima disse:

    Como o mundo parecia mais simples!
    A arquitetura trazia a mensagem de que o futuro estava apenas começando.
    O projeto de arquitetura era capaz de convencer que seríamos capazes de modificar a natureza por meio de blocos de salas de aula e gramados.
    Não havia a indicação de um modelo capaz de garantir a ocupação do espaço onde ainda havia floresta (estilizada ao fundo) de maneira integrada ao urbano circindante.

  4. Luiz Otávio Rodrigues Silva disse:

    Hoje como professor do curso de arquitetura e urbanismo da Universidade Federal do Tocantins, sinto-me horado de ter tido o Professor Ronaldo entre outros em que muito aprendi e aplico na minha profissão. Saudades desse tempo.

  5. Ronaldo Marques de Carvalho disse:

    Muito interessante esse assunto. Seria de bom alvitre que fosse posto em discussão a exagerada ocupação do Campus. Do jeito que vai brevemente não haverá mais verde e muito menos espaço para veículos ( Aqui, um mal necessário pelo descaminho de nossos transportes urbanos).

  6. Ronaldo Marques de Carvalho disse:

    Agradeço ao meu colega Luiz Otávio Rodrigues Silva pela consideração e espero que esteja exercendo a profissão de Arquiteto, com a mesma vontade que tinha quando era meu aluno aplicado e criativo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s