As águias políticas da UFPA

Poucos sabem que o  advogado e professor da antiga Faculdade de Direito, Octávio Augusto de Bastos Meira, seria  o primeiro reitor da Universidade (Federal) do Pará em 1957.
Ao retornar de sua primeira viagem à Europa, Octávio viu seu colega da cátedra de Direito Administrativo, Mário Braga Henriques (mandato 1957-1960), empossado por pirraças políticas: o caudilho Joaquim de Magalhães Cardoso Barata desforrara-se, por motivo não sabido, do  ex-correligionário do Partido Liberal, que lhe fora fiel em abril de 1935, no episódio conhecido como Dissidência do PL.
Após os três anos do mandato regular de Henriques assume a reitoria o médico e professor José Rodrigues da Silveira Netto (mandato 1960-1969) que manteve-se no poder entre o governo de Juscelino e a Junta Governativa Provisória de 1969.
Silveira Netto contou com a colaboração do engenheiro civil, depois engenheiro-arquiteto, Alcyr Boris de Souza Meira, filho de Octávio, durante todo o seu período reitoral e em 1969, pelo Anexo II da Resolução Nº17/69, sacramentou a marca de Alcyr,  pública e em uso deste 1965 perdurando até hoje – tal Resolução jamais foi revogada.
O trabalho gráfico de Alcyr consistiu na “limpeza” do brasão original criado e confeccionado em 1959 por Maÿr Sampaio Fortuna; um talentoso artista filiado ao PSD e baratista convicto – poder-se-ia dizer, por interpretação: “vingança é um prato que se come frio”.

A Águia Guianense* do escudo da Universidade Federal do Pará é um argumento embasado na simbologia escolhida pelo geógrafo Henrique Santa Rosa, representada pelo arquiteto José Castro Figueiredo em 1903 no Brasão d’Armas do Estado do Pará instituído em 9 de novembro de 1903 pela lei estadual de nº912 e publicado (o Brasão) em cuidada estampa na capa do Álbum de 1908 do governo de Augusto Montenegro:

Veja uma matéria do Globo Repórter sobre a ave de rapina que simboliza o Estado do Pará:


FAU
*O ARCHIVO POPULAR de 1841.

Sobre Projeto Laboratório Virtual - FAU ITEC UFPA

Ações integradas de ensino, pesquisa e extensão da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo do Instituto de Tecnologia da Universidade Federal do Pará - em atividade desde maio de 2010. Prêmio Prática Inovadora em Gestão Universitária da UFPA em 2012. Coordenação: professor Haroldo Baleixe.
Esta entrada foi publicada em Arquitetura e Urbanismo, Artes Gráficas e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

1 respostas para As águias políticas da UFPA

  1. Ronaldo Marques de Carvalho. disse:

    As Águias são fortes,voam alto e enxergam longe.
    Parabéns pelo Prêmio.
    Os méritos são todos de vocês (Haroldo e Jaim; os Águias do nosso maravilhoso BLOG DA FAU.
    Ronaldo Marques de Carvalho.

Deixe uma resposta