Plataforma de saltos ornamentais da Tuna Luso Brasileira; por José Maria Coelho Bassalo

Ampliável para melhor visualização

O professor José Maria Coelho Bassalo virtualizou um equipamento que compunha o complexo desportivo da sede (campestre) da ainda Tuna Luso Comercial; esse conjunto, de seis lajes escalonadas construídas em concreto armado, foi inaugurado no feriado de 07 de setembro de 1962 — de acordo com a flâmula enviada ao Laboratório por Avelino Tavares: um tunante fanático:

tlc

O projeto arquitetônico da Tuna é de Laurindo Amorim que teve todos os seus cálculos estruturais construtivos executados felo engenheiro civil, físico e professor (hoje aposentado) da UFPA: José Maria Filado Bassalo — pai do autor da virtualização desta publicação.
Por ora estamos atrás da datação da demolição desse ícone arquitetônico do bairro do Souza.

Tuna 1963
Fotografia publicada no livro Tuna sua vida e glória de Manoel Oliveira (2003) datada de 1963 — enviada por Igor Pacheco do Fragmentos de Belém.

Momentos de alegria - Lélio e seu conjunto

Capa do vinil Momentos de Alegria de Lélio e seu conjunto lançado em 1963 (ausência da boate)

Belém 350 anos
Fotos publicadas na revista Belém 350 Anos1966

sswer

Imagem-link ao vinil (escute-o)

Esse post foi publicado em Arquitetura e Urbanismo, História, Memória e marcado , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Plataforma de saltos ornamentais da Tuna Luso Brasileira; por José Maria Coelho Bassalo

  1. Bassalo, o filho disse:

    Haroldo, infelizmente quando comecei a fazer projetos meu pai já havia abandonado a engenharia estrutural, e, por isso, não tive a honra de ter um risco meu calculado por ele. Essa virtualização, feita por ti e por mim, preenche um pouquinho essa lacuna. Embora o “Bassalão” não expresse, sei que ele se orgulha desse complexo arquitetônico da Tuna, o qual, nas palavras dele, “saiu dos livros de cálculo direto para a obra”. Para mim, sem dúvida, a Tuna é o seu mais importante trabalho como engenheiro de estruturas, feito em uma época em que a régua de cálculo era o único instrumento que ele dispunha para fazer as gigantescas contas, traduzidas em desenhos manuais elaborados por ele próprio. Cabe ressaltar, que embora essa plataforma, pelo caráter monumental, fosse o mais vistoso integrante do conjunto, foi a piscina, pelo tamanho e profundidade, e a já demolida arquibancada, pelo balanço da marquise de cobertura na qual se penduravam as cabines de imprensa, os elementos que mais exigiram da expertise do então jovem calculista. Segundo seus relatos, ficou semanas sem dormir direito preocupado com a estabilidade das peças, não porque tivesse dúvidas acerca da correção dos cálculos, mas porque temia algum descuido na execução.
    Muito obrigado pela oportunidade que me deste, e que aqui publicas. Aqueceste meu coração…

  2. Adenirson Olivier disse:

    Muito bom, mais um bom trabalho, parabéns!

    Tenho alguns trabalhos feitos sobre estádios: 1- Fiz uma maquete do antigo estádio do Botafogo-RJ, General Severiano (demolido). https://www.youtube.com/watch?v=XMuDWFZl3t0

    2- E fiz também a maquete da proposta de projeto do Maracanã feita pelo Oscar Niemeyer que não venceu. https://www.youtube.com/watch?v=lovPCkHEHco

    Tenho interesse também, em fazer um vídeo mostrando a evolução do Estádio Evandro Almeida, desde a sua inauguração com arquibancadas de madeira e diversas mudanças até o estado atual do do estádio. Se tiverem arquivos ou souberem onde consigo, agradeço bastante. Também tinha vontade de fazer a maquete daquele estádio municipal que não saiu do papel. Qualquer conteúdo antigo da Curuzu, Souza ou outros espaços esportivos, também tenho interesse.

    Um abraço e mais uma vez parabéns pelo trabalho, acompanho a anos o blog e só agora tô escrevendo eu acho rsrs Saúde!

    *SANDRES OLIVIER* *ARQUITETURA E URBANISMO* ADENIRSON SANDRES OLIVIER TIM 91 989054539 CAU A106165-8

    Livre de vírus. http://www.avg.com .

    Em sáb., 2 de mai. de 2020 às 11:35, F A U ─ Laboratório Virtual ─ I T E C

  3. Marina Maciel disse:

    Esta página da Internet é tudo de bom e me ajuda muito.
    Nesse tempo de prisão domiciliar tenho lido muitos dos artigos publicados.
    Coisas que jamais imaginei existirem.
    Coisas que os meus professores jamais abordaram nem vejo nos livros.
    É uma viagem.
    Uma excelente viagem quando não se pode viajar para lugar nenhum.
    Parabéns porque vejo que está para completar 10 anos de atividades.
    Parabéns ao professor José Bassalo que já vi que tem muitas outras maquetes eletrônicas dele reconstruindo a arquitetura demolida de Belém.
    Muito Obrigado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s