Mãozinha desvirtuada


Na postagem anterior, na ilustração de divulgação da SITEC 2011, optamos pela colocação de uma mãozinha esquisita à indicação do link à programação do evento; só para quebrar o clima de seriedade das coisas acadêmicas.
A imagem foi retrabalhada (inversão e cor) com citação do autor no rodapé.
A “mãozinha negra”, mais uma vez desvirtuada na hipotética sacola de boutique acima (de cunho surreal…nonsense), na realidade ilustra a poesia de mesmo título elaborada pelo jornalista piauiense Rafael Nolêto:

Nolêto publica poesias por ele ilustradas no portal Poetas do Piauí; a temática: mitos de sua terra natal.
A ingenuidade do seu traço (naïf) nos chamou a atenção, em especial a “Mãozinha Preta”: MULTIUSO; que vire grife.

Esse post foi publicado em Administração e marcado , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Mãozinha desvirtuada

  1. Lucia disse:

    Parabéns!
    Esse Poeta, jornalista, tão jovem e talentoso.
    Seu esforço, dedicação o levarão LONGE…..

  2. Fábio disse:

    Essa Mãozinha Preta tira EXCELENTE em Representação e Expressão II?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s